ICE e Polícia Federal prendem iraniano no Brasil

Um suposto líder de uma organização de tráfico humano que trazia indivíduos do Oriente Médio (principalmente do Irã) para a América do Sul, Estados Unidos, Canadá e Europa foi preso no sábado (5). A Immigration and Customs Enforcement (ICE) dos EUA prestou assistência à Polícia Federal do Brasil para prender Reza Sahami, um cidadão com dupla nacionalidade do Canadá e do Irã, sob acusação de tráfico de pessoas.

A polícia encontrou Sahami guiando um grupo de sete iranianos na cidade de Assis Brasil, na fronteira do Brasil com o Peru. Todos os sete iranianos possuíam passaportes fraudulentos ou alterados de Israel, Dinamarca e Canadá.

“Sahami contrabandeou criminosos através das fronteiras internacionais por mais de 10 anos”, disse o adido do ICE para o Brasil e Bolívia, Robert Fuentes.

“Somos gratos aos nossos parceiros brasileiros pelos esforços inabaláveis não apenas nesta investigação, mas em nossa forte parceria geral no combate às organizações criminosas transnacionais. A Homeland Security Investigations (ICE-HSI) está comprometida em interromper as redes de tráfico de pessoas que minam nossa imigração e colocam incontáveis indivíduos em risco ao fazê-lo.”


Agentes especiais do Homeland Security Investigations (HSI) do ICE no Brasil lideraram a coordenação fornecida pelas autoridades dos EUA ao governo brasileiro.

A HSI Brasil faz parte da Divisão de Operações Internacionais da HSI e é a maior presença investigativa do Departamento de Segurança Interna dos EUA no exterior. O pessoal da divisão atua como elo de ligação com os governos e agências de aplicação da lei em todo o mundo e trabalha lado a lado com a aplicação da lei estrangeira nas investigações da HSI. ICE é a principal agência de policiamento dos EUA responsável pelo combate ao ao tráfico de seres humanos.

O que você pensa sobre esse assunto?