Departamento de Justiça investiga fontes de financiamento de grupos extremistas

O Departamento de Justiça iniciou uma investigação em âmbito federal acerca das fontes de financiamento de grupos extremistas como o Black Lives Matter e Antifa, segundo informou o secretário de Homeland Securiyu, Chad Wolf, durante entrevista ao jornalista Tucker Carlson, da Fox News, na segunda-feira (31).

“Isso é algo sobre o qual conversei com o AG [Attorney General] pessoalmente”, disse Wolf, acrescentando que o DOJ agora está focado em “direcionar e investigar o chefe dessas organizações, [e] os indivíduos que estão pagando para que esses indivíduos se movam o país.

“Minha pergunta é: quem são essas pessoas?”,escreveu Wolf em um artigo de opinião publicado no site da Fox News. “Quem pagou pelos seus quartos de hotel? Quem os trouxe de avião? A polícia precisa examinar o financiamento de atividades criminosas violentas como esta. E os Democratas precisam enfrentá-lo. É organizado. É pago. É violento. Não se trata de Vidas Negras ou quaisquer vidas; é sobre anarquia e destruição.”

Wolf prometeu ajuda do Departamento de Segurança Interna (DHS) para auxiliar o Departamento de Justiça (DOJ) na investigação.

“Estamos nos certificando de que, nas investigações em que estamos envolvidos, estamos levando essas informações ao FBI, aos investigadores criminais que estão fazendo seu trabalho”, disse ele durante a entrevista.

“Gostaria que fosse um pouco mais rápido”, acrescentou Wolf, mas “de novo, este governo, este presidente está comprometido em responsabilizar os indivíduos.”

Senador Rand Paul

Dias atrás o senador Rand Paul, R-KY. pediu ao Departamento de Justiça para investigar aqueles que financiam os atos organizados em todo o país. Rand Paul e sua esposa foram abordados e intimidados por membros de movimentos como Black Lives Matter e Antifa na saída da Casa Branca após o último dia da Convenção Nacional Republicana, na quinta-feira (27).

O que você pensa sobre esse assunto?